ASSUNTOS GERAIS

ASSUNTOS GERAIS

POR ASSUNTO

ENDOSCOPIA DIGESTIVA ALTA

ENDOSCOPIA BARIÁTRICA

CÁPSULA ENDOSCÓPICA / ENTEROSCOPIA

COLONOSCOPIA

COLANGIOPANCREATOGRAGIA ENDOSCÓPICA RETRÓGRADA

ECOENDOSCOPIA

OUTROS

MAIS RECENTES

Abordagem endoscópica comparada à cirúrgica no tratamento do Câncer Gástrico Precoce

Abordagem endoscópica comparada à cirúrgica no tratamento do Câncer Gástrico Precoce

INTRODUÇÃO O câncer gástrico precoce (CGP) é definido, atualmente, como o adenocarcinoma que está restrito à camada mucosa ou submucosa da parede gástrica, independentemente de haver ou não acometimento linfonodal metastático locorregional ou à distância. A in... »

Duplicação cistica de esofago

Duplicação cistica de esofago

    INTRODUÇÃO Em exames de endoscopia digestiva alta de rotina, o achado de lesão subepitelial em esôfago é ocasional, porém presente com certa frequência. Geralmente, o paciente se apresenta assintomático quanto à lesão encontrada, e o exame endosc... »

CPRE em pacientes submetidos a Bypass Gástrico

CPRE em pacientes submetidos a Bypass Gástrico

  É sabido que a obesidade é um grave problema de saúde pública e que a cirurgia bariátrica constitui arma poderosa no arsenal terapêutico contra essa enfermidade. Sabe-se, também, que a rápida perda de peso relacionada ao BYPASS GÁSTRICO EM Y DE ROUX (BG... »

Técnica modificada para realização da gastro-jejunostomia endoscópica percutânea

Técnica modificada para realização da gastro-jejunostomia endoscópica percutânea

Modified technique for percutaneous endoscopic gastrojejunostomy placement Rev. Col. Bras. Cir. 2017; 44(4): 413-415   INTRODUÇÃO A realização da gastrostomia endoscópica percutânea (PEG) proporciona nutrição enteral segura e a longo prazo em pacientes co... »

Manitol e explosão do cólon: teoria versus prática.

Manitol e explosão do cólon: teoria versus prática.

O preparo de cólon deve idealmente ser efetivo, barato, seguro, de fácil administração e bem tolerado pelo paciente. O manitol atende a todos esses quesitos, e talvez por isso, seja a droga mais comumente utilizada no preparo de cólon para colonoscopia no noss... »

DRGE é fácil de ser diagnosticada?

DRGE é fácil de ser diagnosticada?

A discussão sobre doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) é ampla e envolve fatores de prevalência (ambientais, genéticos, culturais), fisiopatológicos (relaxamento do EEI, hipotonia do EEI), sintomatologia (típicos, atípicos), apresentação (erosiva, não eros... »

Manejo do linfoma MALT

Manejo do linfoma MALT

  LINFOMA MALT Os linfomas gástricos são neoplasias raras e que correspondem a apenas 5% das neoplasias que acometem o estômago. Cerca de 50% dos casos são linfomas da zona marginal dos folículos linfóides (MALT) sendo que estes estão associados com a inf... »

Estadiamento OLGA para atrofia gástrica

Estadiamento OLGA para atrofia gástrica

  Na suspeita de câncer gástrico (CG), a endoscopia é principal ferramenta de diagnóstico. Também pode ser usado no rastreio do CG, porém,  para que possa haver equilíbrio entre custo/risco e benefício, este rastreio deve ser limitado aos pacientes com al... »

Classificação das neoplasias colorretais precoces segundo Workshop de Paris

Classificação das neoplasias colorretais precoces segundo Workshop de Paris

  Em 2002, um grupo internacional de endoscopistas, cirurgiões e patologistas se reuniram em Paris para discutir a utilidade e a relevância clínica da classificação endoscópica Japonesa de neoplasias superficiais do trato GI. Desde então, a classificação ... »

Manometria esofágica de alta resolução: principais vantagens em relação à convencional e uma breve interpretação da classificação de Chicago

Manometria esofágica de alta resolução: principais vantagens em relação à convencional e uma breve interpretação da classificação de Chicago

Manometria esofágica de alta resolução: principais vantagens em relação à convencional »

Manejo endoscópico da Síndrome de Mallory Weiss

Manejo endoscópico da Síndrome de Mallory Weiss

síndrome de Mallory-Weiss é uma importante causa de sangramento digestivo alto, com boa parte do casos cessando de forma espontânea. Nos pacientes com sangramento ativo, as técnicas endoscópicas mais frequentes são: injeção de adrenalina, coagulação com plasma... »

Tumor de células granulares do esôfago

Tumor de células granulares do esôfago

Descrito inicialmente em 1926 por Abrikosoff  como “Mioblastoma de células granulares”. Tumor originado do tecido neural, das células de Schwann que fazem parte do plexo neuronal da submucosa esofágica. Apresenta-se com tumor solitário em 90%, mas pode haver l... »