Gastrostomia endoscópica

O que é gastrostomia endoscópica?

Gastrostomia endoscópica é a colocação de um tubo de alimentação diretamente para o estômago, através da parede abdominal.

 

Quando ela é usada?

Este procedimento pode ser feito para alimentar você, se você não consegue comer normalmente. Por exemplo, você pode precisar de uma gastrostomia se:

  • Não puder engolir por algum problema como câncer de boca ou garganta,  ou   acidente vascular cerebral (AVC).
  • Outros problemas para engolir (problemas de deglutição)
  • Em alguns tratamentos médicos, como quimioterapia ou radioterapia, que são temporários mas as vezes tornam difícil você comer o suficiente para obter uma boa nutrição.
  • Casos de desnutrição severa.

Alguns tubos de alimentação temporários são passados ​​através do nariz até ao estômago, são as chamadas sondas nasoenterais. Um tubo de gastrotomia é normalmente colocado para permitir a remoção de uma sonda nasoenteral, de modo que a alimentação pode continuar com maior conforto e por tempo mais prolongado. 

 

Como devo me preparar para gastrostomia ?

Planeje o tempo para o seu tratamento e recuperação após o procedimento. 

Encontre alguém para lhe levar para casa após o procedimento. 

Siga todas as instruções que seu médico lhe der.

Se você precisar de um analgésico na semana antes do procedimento, escolha paracetamol ou dipirona ao invés de aspirina ou anti-inflamatórios. A aspirina ou anti-inflamatórios podem provocar sangramento adicional durante o procedimento. Se voçê toma aspirina ou anticoagulantes diariamente para uma condição médica, pergunte ao seu médico se você precisa parar de tomá-las antes de seu procedimento.

 

O que acontece durante o procedimento?

Para gastrostomia endoscópica percutânea, você receberá um sedativo e um anestésico local para mantê-lo sem sentir dor. O médico irá introduzir um endoscópio através de sua boca até o seu estômago. Um endoscópio é um tubo fino e flexível com uma pequena câmera. Ele permite que o médico olhe para o interior de seu estômago durante o procedimento. 

O seu médico irá encher o estômago com ar para torná-lo maior e empurrar a parede do estômago mais perto da parede abdominal. O médico irá guiar uma agulha e fio através de sua pele e parede abdominal até o seu estômago. O endoscópio permite ao médico ver e capturar o fio dentro do estômago. 

O fio é então puxado de volta pela boca. Um tubo de plástico é ligada ao fio e puxado através da boca  ao longo do percurso até o estômago.

 

O médico irá fixar o tubo de dentro do estômago e na sua pele. O pedaço curto do tubo de borracha visível através da parede abdominal é facilmente coberto com a roupa.

O que acontece depois do procedimento?

Você será ensinado como usar e cuidar do tubo de alimentação antes de deixar a clínica. A sonda colocada pode ser geralmente utilizada dentro de 12 a 24 horas após o procedimento.

A fórmula para a alimentação pode ser passada através do tubo para dentro do estômago com uma seringa especial. Em alguns casos, uma bomba é utilizada. 

Se o tubo de gastrostomia for necessário para um longo período de tempo, este pode depois ser substituído. Substituir o tubo é um procedimento ambulatorial simples que pode ser feito no consultório do seu médico.

Discuta seus medicamentos com o seu médico. Medicamentos mais líquidos podem ser dados a você através do tubo de alimentação com uma seringa. Muitos medicamentos disponíveis na forma de comprimidos podem também estar disponíveis na forma líquida. Também pode ser possível dissolver comprimidos esmagados em água, para que possam ser fornecidos através do tubo de alimentação. Medicamentos substitutos podem estar disponíveis se nenhuma dessas soluções funcionar.

Certifique-se de que o tubo de alimentação é cuidadosamente protegido sob a roupa. 

Lave sempre o tubo de alimentação de água depois de colocar medicamentos ou alimentos nele para evitar o entupimento do tubo.

 

Quais são os benefícios deste procedimento?

Você será capaz de obter uma nutrição suficiente sem ter um tubo pelo nariz até o estômago.

 

Quais são os riscos associados a este procedimento?

  • Existem alguns riscos quando você recebe uma sedação. Discuta estes riscos com seu médico.
  • O cólon ou outros órgãos do abdome podem ser feridos durante o procedimento, o que pode exigir cirurgia para reparação.
  • A área em volta do tubo pode infeccionar após o procedimento.
  • Pode haver sangramento no local puncionado.

Vídeos

Equipamentos e Acessórios