Categoria: Classificações

Classificação de Atlanta Revisada – Coleções Fluidas Peripancreáticas

Classificação de Atlanta Revisada – Coleções Fluidas Peripancreáticas

  A classificação de Atlanta para pancreatite aguda foi revisada em 2012 e feita uma distinção importante entre coleções compostas somente de fluido versus aquelas que surgem da necrose e contêm ... »

Classificação de Todani – Doença cística da via biliar

Classificação de Todani – Doença cística da via biliar

Os cistos biliares são classificados de acordo com a classificação de Todani. O tipo I é o mais frequente (50-85%), seguido pelo tipo IVA.   Tipo Característica I A B C Cisto limitado ao trato bi... »

STAPFER – PERFURAÇÃO PÓS-CPRE

STAPFER – PERFURAÇÃO PÓS-CPRE

  A classificação de Stapfer é a mais utilizada para perfuração após CPRE e baseia-se no mecanismo, localização anatômica e gravidade da lesão.   Tipo Lesão I Perfuração da parede intestinal... »

Classificação Endoscópica de cromoscopia com NBI (Narrow Band Image) e magnificação para tumores colorretais proposta pela  Japan NBI Expert Team (JNET)

Classificação Endoscópica de cromoscopia com NBI (Narrow Band Image) e magnificação para tumores colorretais proposta pela Japan NBI Expert Team (JNET)

Várias classificações de NBI com magnificação foram propostas para o diagnóstico de lesões colorretais no Japão. Entretanto devido à multiplicidade de termos para descrever o mesmo achado, a necessida... »

Classificação de Rutgeerts

Classificação de Rutgeerts

  A Classificação de Rutgeerts é aplicada em pacientes portadores de Doença de Crohn que foram submetidos a hemicolectomia direita. Quanto maior o escore de Rutgeerts maior a chance dos pacientes... »

Como reportar o preparo intestinal no laudo da colonoscopia?

Como reportar o preparo intestinal no laudo da colonoscopia?

A maioria dos guidelines e consensos sobre qualidade em colonoscopia recomendam que a situação do preparo intestinal seja  reportada no laudo do exame.   Também é recomendado que para este fim seja ut... »